Viana do Castelo, o que visitar

Viana do Castelo

Situada na foz do rio Lima, entre o mar e as montanhas, a atractiva cidade de Viana do Castelo está imersa em tradição. Historicamente, a cidade foi um ponto de partida crucial durante a Era dos Descobrimentos, quando muitos exploradores portugueses embarcaram para descobrir o mundo ainda desconhecido.Actualmente, Viana do Castelo possui um próspero porto de pesca, reconhecido pela sua arquitectura avançada com influências manuelinas e renascentistas e um inovador design contemporâneo.
As festas em Viana do Castelo culminam em meados de Agosto, com a celebração da Romaria de Nossa Senhora da Agonia, que remonta ao século XVIII. Durante três dias, as ruas enchem-se de multidões de pessoas para assistir ao cortejo de carros alegóricos, cabeçudos e coloridos trajes locais, acompanhados por música e comida tradicionais.
A vila próxima de Ponte de Lima é conhecida pela sua magnífica ponte romana, além do mercado e das bonitas quintas rurais e casas antigas. Ao longo do rio Minho, que separa Espanha de Portugal, ficam as bonitas cidades fronteiriças de Caminha, Valença, Monção e Melgaço.

Locais a Visitar

Centro Histórico de Viana do Castelo e todos os seus Monumentos – a Matriz medieval, os Antigos Paços do Concelho, a quinhentista Casa da Misericórdia e o Chafariz do mesmo século, entre outros, são marcos importantes de um passado com História. As ruas e ruelas do centro histórico, um dos mais belos e conservados do País, chamam a nossa atenção, quer pelas belas fachadas armoriadas, quer pelos painéis de azulejos preciosos no traço e na cor, constituindo um autêntico compêndio da história da arquitectura em Portugal.

 

Igreja-da-Misericordia--Viana-do-CasteloIgreja da Misericórdia (Viana do Castelo)
Esta igreja singular do século XVIII é composta por uma ilustre combinação de arcadas romanas, varandas renascentistas e pilares com gravações intrincadas. A decoração do interior apresenta influências barrocas e rococó, como as gravuras douradas, as esculturas e as pinturas. Nesta igreja encontram-se ainda alguns dos painéis de azulejos portugueses mais belos do país, representando passagens bíblicas.
citania-de-santa-luziaCitânia de Santa Luzia (Viana do Castelo)
As ruínas de uma aldeia fortificada da Idade do Ferro podem ser encontradas nos arredores de Viana de Castelo, no cimo da colina de Santa Luzia. As escavações puseram a descoberto casas poligonais singulares, que comprovam que os Romanos ocuparam esta aldeia até ao século V. Esta citânia também está classificada como monumento nacional.Santuario-Santa-LuziaMonte de Santa Luzia Vista panorâmica, Templo-Monumento do Sagrado Coração de Jesus e Zimbório, Citânia de Santa Luzia. Subida do Monte em funicular. A Vista da Pousada do Monte de Santa Luzia.

 

 

 

Praias-Viana-do-CasteloPraias atlânticas – de areia fina e dourada, excelentes para a prática de actividades como o surf, windsurf, kitesurf ou bodyboard, com condições ao nível das melhores do mundo.

 

 

 

Foz-Rio-LimaRio Lima, a sua Foz e praias fluviais – O Rio Lima proporciona a prática de desportos náuticos como o jet-ski, a vela, o remo, a canoagem, a pesca ou simplesmente um passeio de barco.

 

 

 

 

Museu-do-Traje-Viana-do-CasteloMuseu do Traje – Situado em pleno centro histórico da cidade, o edifício do antigo Banco de Portugal, alberga, desde 2004, o Museu do Traje que dá a conhecer, a riqueza etnográfica dos tradicionais trajes vianenses. O espólio exposto compreende, igualmente, os utensílios utilizados para a confecção artesanal de peças de vestuário. Além da exposição permanente “ A lã e o linho no traje do Alto Minho”, o Museu do Traje realiza inúmeras exposições temporárias tendo como tema o traje e etnografia Vianenses.

Museu de Artes Decorativas – Instalado numa distinta mansão senhorial do século XVIII, o Museu Municipal de Viana do Castelo possui uma das mais importantes e valiosas colecções de faiança antiga portuguesa dos Séc. XVII a XIX, que inclui diversas peças da famosa Fábrica de Louça de Viana. Para além de um importante acervo de pintura, desenho e peças de arte sacra, destaca-se a bela colecção de mobiliário indo-português do século XVIII. Neste espaço, é possível ainda descobrir um espólio de azulejaria portuguesa e hispano-árabe, único na sua variedade e riqueza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Verificação * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.